Manutenção de aviões gera 6 mil empregos em Sorocaba

Felipe Shikama

O aeroporto estadual Bertram Luiz Leupolz figura entre os principais pólos de manutenção de aviões do Brasil e da América Latina. Localizado na Vila Angélica, Zona Norte de Sorocaba, o aeroporto atualmente concentra 20 empresas de manutenção em diversas especialidades, de aeronaves leves e médias, e gera cerca de mil empregos diretos e outros cinco mil indiretos. “Sorocaba tem tradição nessa área desde a década de 1960”, comenta Marcos Valdir Dias, presidente da Master Serviços Aeronáuticos, uma das oficinas da cidade.

Ele explica que a primeira empresa a se instalar em Sorocaba foi a Conal, em 1962. “Na ocasião, eles entraram em Sorocaba para se tornar uma indústria, tanto que se chama Construtora Nacional de Aviação, mas com a entrada da Embraer no mercado, eles não conseguiram receber investimentos do governo, então passaram a se dedicar exclusivamente à manutenção de aeronaves”, lembra.

Formado pelo Senai e ex-funcionário da Conal, Dias acrescenta que a empresa pioneira da cidade chegou a construir em território sorocabano, à época, dois aviões leves. Entre os aeroportos do interior do país, Sorocaba ocupa uma das primeiras posições em número de pousos e decolagens. Já no que se refere à manutenção dos aparelhos, a cidade lidera o mercado interno, seguido por Goiânia.

“No Brasil existem aproximadamente 10 mil aviões leves e, em todos eles, são feitas manutenção. Sorocaba é a que a maior procura porque aqui fazemos todos os tipos de manutenção de aviões leves e médios, desde reparos após acidentes, como manutenção de instrumentos, pintura, interiores, então o avião que entra em Sorocaba, numa oficina, já sai pronto. Aqui tem tudo do que ele precisa”, afirma.

Mão-de-obra qualificada

Josias de Oliveira:além de exigir exige mão-de-obra qualificada, trabalho requer alto grau de atenção

Josias de Oliveira:além de exigir exige mão-de-obra qualificada, trabalho requer alto grau de atenção

Com número crescente de aeronaves leves no país, o mercado de manutenção também se mostra promissor. Nos próximos anos, novas oficinas deverão ser instaladas no aeroporto da cidade, criando novos postos de trabalho. Contudo, empresários do segmento comentam que ainda há poucos profissionais capacitados para exercer a atividade de técnicos em manutenção de aviões. “Aqui dentro do aeroporto há uma escola que forma novos profissionais, mas o número ainda é insuficiente. Essa é profissão muito interessante e tem muito espaço para crescer. O salário pode chegar até R$ 7 mil reais”, comenta o técnico Nivaldo Elias Alves, 42 anos.

Trabalhador do segmento aeronáutico desde 1978, o mecânico Josias de Oliveira acrescenta que a profissão, além de exigir exige mão-de-obra qualificada, requer alto grau de atenção. “Todo o trabalho tem que ser feito minuciosamente bem. Tudo é feito, inspecionado e reinspecionado dentro das normas técnicas para garantir a segurança dos aviões”, detalha.

Economia e desconhecimento

Embora se trate de uma atividade de grande importância para a vida econômica da cidade, o empresário Marcos Valdir Dias lamenta o desconhecimento de grande parte dos sorocabanos. “Quando a gente fala por aí que trabalha no aeroporto de Sorocaba, as pessoas desinformadas logo perguntam: e a droga? E o contrabando? Infelizmente a imagem que muita gente tem é a de que, além dos acidentes, o avião só transporta droga ou é coisa de só de gente milionária”, conta. “É importante dizer que muita gente vive e alimenta a família com o aviãozinho dele, com o trabalho dele. A gente trabalha igual todo mundo e os nossos filhos estão na escola, como o de todo mundo”, acrescenta.

Marcos Valdir Dias, presidente da Master Serviços Aeronáuticos

Sem divulgar o faturamento estimado das oficinas, Dias reitera que o aeroporto de Sorocaba é a porta de entrada para os grandes negócios da região. “Nós temos aqui aviões que custam entre 3 e 30 milhões de dólares. Imagina quanto de impostos os serviços aviões gera? Além disso, as pessoas que vem para cá, deixar o avião para a manutenção, tem de ficar num hotel, tem que comer aqui. O aeroporto dá subsídios para as grandes empresas se instalarem. É um bom aeroporto, que opera 24 horas por dia, e isso tudo é facilidade para que o progresso venha para Sorocaba”, conclui.

Anúncios

10 comentários sobre “Manutenção de aviões gera 6 mil empregos em Sorocaba

  1. OLA MEU NOME E LUIS RODOLFO BANDA SAAVEDRA . EU GOSTARIA DE TRABALHAR NA SUA EMPRESA , MINHA ESPECIALIDADE E TRATAMENTO ANTICORROSIVO E PINTURA DE AERONAVES TENHO CURSO

    • Ola meu nome e Joao Gomes,moro em goiania,tenho muita experiencia na area de pnturas de aeronaves,entendo tudo do inicio ao fim.(preparaçao para remoçao geral,limpesa final,recuperaçao de peças de fibra de vidro,primer e finalizaçao),morei 12 anos nos Estador Unidos falo ingles fluente. meu telefone
      62-82094245 ou 36425350.
      estou disponivel para imediato

  2. sou apaixonado por essa carreira linda fiz comissario de voo mas nao conclui, pp de helicoptero mas tb nao terminei começei mec de aeronaves mas tb nao conclui, mas vou explicar porque nao conclui os curso pois poderam axar que nao sigo nada em frente sempre trab em multnacionais que trab em
    regime de 6×2 ou 6×1 sendo os horarios das 6as 14 das 14 as 22 das 22 as 6 por isso nao conclui os curso. hoje desisti de trab em multinacionais e quero realmente seguir carreira na aviação mas pra isso meu trab tem que estar focado na aviação por isso peço a ajuda de vcs quero muito trab e estudar na area da aviação moro em sorocaba no bairro ibiti meu cel é 015 97555128 tenho 34 anos espero o contato de vçs ate breve .Reginaldo

  3. Oi sou Paulo, pinto aviao em Deland-FL – USA meu e-mail e poul_abril05@hotmail.com e meu telefone aqui e 772-204-4220 podemos juntos fazer negocio sei preparar o aviao pra pintar. E gostei da sua empresa pela internet. Interessado me contatar.

  4. olá eu sou graduado em tecnologia da Informação, quero fazer um curso de manutenção de aviões, voçê pode me informar como posso fazer o curso aqui em Sorocaba.

  5. Esta página pertence ao blog do jornalista Shikama. Para contatos com as empresas deveriam procurar o site dessas empresas do aeroporto.

  6. Uma dica para quem quer cursar Mecânica de Manutenção de Aeronaves na região da Grande São Paulo, Jundiaí e Campinas. Está abrindo o curso na FACCAMP, faculdade de Campo Limpo Paulista. Em fevereiro de 2013 iniciam as aulas, portanto que estiver interessado, procurem a instituição.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s